Mercedes-Benz com melhor resultado de sempre em Portugal

Janeiro de 2017

• O ano de 2016 foi o melhor ano de sempre da Mercedes-Benz em Portugal;
• Mercedes-Benz mantém tendência de crescimento registado em anos anteriores (+13,2%) em 2016;
• Portugal mantém uma das maiores quotas de mercado a nível Europeu – 7,4%;
• smart regista igualmente um crescimento assinalável ao comercializar 3.034 unidades em 2016;
• Mercedes-Benz e smart terminam 2016 com 18.342 unidades vendidas;
• Grupo Daimler em Portugal comercializa um total de 20.369 viaturas novas, entre automóveis e veículos comerciais ligeiros e pesados.


2016 foi o melhor ano de sempre para a Mercedes-Benz em Portugal. A Marca da estrela comercializou 15.308 automóveis no ano passado, um crescimento de 13,2% face a 2015, registando, assim, um recorde absoluto no mercado nacional. Foi igualmente alcançada uma quota de mercado assinalável de 7,4%, uma das maiores a nível Europeu.

Também a smart, outra Marca do Grupo Daimler, atingiu resultados extremamente positivos em 2016, com um crescimento de 16,2% face a 2015. De registar que no ano passado foram apresentados os novos modelos BRABUS da Marca, bem como o novo smart fortwo cabrio, modelos que contribuiram para este crescimento sustentável. No total, foram comercializadas 3.034 unidades smart, correspondendo a 1,5% de quota de mercado, uma das maiores a nível mundial.

Entre os modelos Mercedes-Benz mais procurados a nível nacional destaque para o Classe A com 4.884 unidades comercializadas. O Classe B foi igualmente bem-sucedido ao ter comercializando 704 unidades em 2016. Ainda no segmento compacto, o CLA, modelo que recebeu um facelift em 2016, comercializou 2.379 unidades entre a versão Shooting Brake e Coupé e o GLA 1.188 unidades. O segmento compacto da Mercedes- Benz comercializou, desta forma, 9.155 unidades em 2016.

A família Classe C ficou completa em 2016 com a chegada do cabriolet no verão. No total, em 2016, o volume de vendas do Classe C ficou pelas 3.256 unidades, ao qual podemos adicionar o SLC com 61 unidades e 558 unidades do GLC para completar a gama média.

No segmento executivo, o Classe E (nas variantes limousine, station, coupé e cabrio) comercializou 1.577 unidades enquanto o CLS Coupé e o CLS Shooting Brake registaram 147 unidades comercializadas. O Classe S Limousine, Coupé e o recém chegado Cabriolet contribuíram com 148 unidades entregues a clientes.

Depois de 2015 ter sido o ano dos SUV's para a Mercedes-Benz, com o lançamento de 2 novos modelos, o novo GLC e o novo GLE Coupé, bem como o facelift de 3 modelos já existentes, o icónico Classe G, o GLE e o GLS, 2016 viu a chegada do GLC Coupé para completar a oferta deste segmento. Com esta oferta diversificada de SUV's, a Mercedes- Benz continua a ser a Marca com maior número de modelos neste segmento, tendo contribuído em 2016 com 1.901 unidades (GLA, GLC, GLE, GLS e G).

A Mercedes-AMG continuou a sua ofensiva com a chegada de mais modelos ao mercado, entre eles os novos modelos Coupé e Cabriolet da família Classe C, do Cabrio do Classe S e as novas versões do Classe E Limousine e Station que entrarão em comercialização em 2017. No total, até dezembro de 2016 foram comercializados 121 modelos AMG em Portugal, um dos maiores volumes de sempre. A oferta será ainda maior para 2017 com a chegada do Roadster do AMG GT, bem como do GT R no ano em que a AMG completa 50 anos de existência.

Actividade recente